Leap Day Traditions | Tradições de Ano Bissesto

Topo-Leap-Day-Traditions

Oi, gente!

Decidi trazer um post diferente para vocês hoje. Como ganhamos mais um dia a cada 4 anos, que tal descobrir um pouquinho mais sobre as tradições que rondam a data? Em sua maioria, elas envolvem casamento, mas vale a pena conferir. Enjoy!

————–

Hey, everyone!

I’ve decided to put together a different post today. As we “win” a new day every four years, what do you think about learning some superstitions and traditions which involve the date? Most of them are related to marriage, however they’re all worth the knowledge. Enjoy!

1. Pedido feminino | Women’s Proposal:

1.Marry-me

Não se sabe ao certo como a tradição começou (ela está relacionada com St. Bridget e St. Patrick, no século V, e, também, com a Rainha Margaret da Escócia anos depois). Porém, de acordo com a lenda, dia 29 de fevereiro é o dia em que as mulheres podem pedir seus namorados em casamento sem medo. É uma tradição mais comum na Escócia e em países do norte europeu, porém ela tem se espalhado por todo o mundo a cada novo ano bissexto.

————–

There is not an agreement about where and when the tradition has started (there is a story linked to St. Bridget and St. Patrick, during the 5th Century; and the Queen Margaret of Scotland years later); however, the legend says that during the 29th February, it is acceptable for a woman to propose to her boyfriend. This tradition is more common in Scotland and in Northern Europe, but this action has taken place in some other countries around the world.

2. 12 luvas | 12 gloves:

3.Gloves

Parte da tradição acima. Quando recebe o pedido, se o homem fala ‘não’, ele deve presentear sua “recusada” com 12 pares de luvas. Cada par é usado por ela durante 1 ano, para esconder a vergonha de não estar noiva.

————–

This tradition is part of the first one. When a man is proposed and his answer is ‘no’, he has to give the woman 12 pairs of gloves. Each pair will be used by her in every month during a year to hide her shame of not being engaged.

3. Azar no amor| Unlucky in love

2.-Greek-believes

Na Escócia, é considerado má sorte para alguém nascer no dia 29 de fevereiro (assim como acreditamos no má sorte da sexta-feira 13). Na Grécia, porém, o azar está relacionado ao casamento: 1 em cada 5 casais gregos se recusa a casar num ano bissexto, pois lendas indicam que o casamento terminará em divórcio. Na Ucrânia, a mesma crença existe.

————–

In Scotland, it used to be considered unlucky for someone to be born on Leap Day (just as the Friday 13th is considered an unlucky day in Brazil and other countries). In Greece, however, the bad luck is related to marriage: 1 in every 5 couples refuses to get married in a Leap Year, as legends affirm the marriage will only end in divorce. In Ukraine, they share the same belief.

4. “Mês bissexto”? | Leap Month? :

5.Leap-Month

Os calendários hindu e hebraico tem, a cada 3 anos mais ou menos, um mês inteiro fora do calendário comum. Isso acontece, pois ambos calendários são lunares-solares e para manterem seus feriados condizentes com as estações, eles precisam de um mês novo de tempo em tempo.

O calendário iraniano, ao contrário, também segue um calendário solar e tem dias bissextos a cada 33 anos.

————–

The Hindu and Hebrew calenders have, every three-ish years, a Leap Month. It happens because both of them follow lunar-solar calendars and to keep holidays consistent with their traditional seasons, they have to sprinkle in Leap Months from time to time.

On the other side, the Iranian calendar follow a solar calendar and, yet, only has Leap Days every 33-year cycle.

5. Recordes de Ano Bissexto | Leap Year Worls Records

4.Records

Pode parecer lenda, mas é a mais pura verdade. Existe um lista de Recordes de Ano Bissexto para famílias com o maior número de nascidos no dia 29 de fevereiro, mães com mais filhos nascidos na data e países ou cidades com esses recordes. Você pode conferir tudo sobre esse assunto aqui.

————–

It looks like a legend, but there actually is a list of Leap Year World Records. It lists families with the largest numbers of “leaplings”, mothers with most children who were born in a Leap Day and countries or cities which holds the records. You can check out more about the subject here.

❤ ❤ ❤

E aí, o que acharam? Eu adoro saber sobre essas tradições e se vocês também gostam, eu recomendo os sites da Time and Date ou da BBC. Ambos trazem informações bem legais sobre origem da data e mais tradições. Espero que gostem!

Beijos e até mais, amores.  Fran ❤

————–

So, what did you think? I love knowing about these traditions and if you do too, I recommend Time and Date and BBC‘s websites. Both bring interesting information about the origines of the date and more traditions. I hope you all like it!

Kisses, kisses. Fran ❤

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s